sexta-feira, janeiro 04, 2013

Canto Submerso


JOSÉ TERRA
pseud. de José Fernandes da Silva

Lisboa, 1956
1.ª edição [única]
Portugália Editora
21 cm x 14,7 cm
68 págs.
capa do pintor Fernando Azevedo
realizado na mítica Tipografia Ideal, à Calçada de São Francisco, composto manualmente em Elzevir, muito provavelmente pelo artista tipógrafo José Apolinário Ramos
folha de rosto impressa a duas cores
exemplar como novo, por abrir
25,00 eur

O poeta também foi co-director das revistas Árvore e Cassiopeia; devem-se-lhe igualmente algumas traduções de referência, para obras de Albert Camus (A Queda), T. S. Eliot (Quatro Quartetos), ou Elio Vittorini (Consideram-se Mortos e Morrem), isto só para dar três exemplos; a obra vertente foi prémio literário em 1955.

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089