domingo, julho 14, 2013

A Universidade e o Espírito Científico


ORLANDO RIBEIRO

Lisboa, 1949
s.i. [ed. Autor ?]
1.ª edição
19,3 cm x 13,1 cm
44 págs.
exemplar estimado; miolo limpo
ocasionais carimbos da Sociedade de Língua Portuguesa
valorizado pela dedicatória manuscrita do Autor a Victor Buescu
20,00 eur

Uma passagem desta oração de sapientia:
«[...] Até ao século XVIII, as Universidades eram escolas de preparação profissional ou de educação da mocidade. Repositórios de uma ciência feita, representavam não raro a inércia da tradição oposta ao espírito especulativo e à curiosidade renovadora. Os maiores nomes da Ciência e da Filosofia eram-lhe estranhos, quando não adversos, e a investigação cultivava-se principalmente nas Academias e Sociedades científicas, que consagravam os sábios mas não asseguravam, entre os jovens, a iniciação e a continuidade do saber. Só em 1809, com a fundação da Universidade de Berlim, se adoptou definitivamente o conceito de Universidade como organismo criador da Ciência, que ràpidamente se espalhou nos países de língua germânica mas apenas no princípio deste século obteve aceitação universal. [...]»

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089