terça-feira, julho 07, 2015

Das Fronteiras


HELDER MACEDO
capa e extra-texto de Manuel Baptista

Covilhã, 1962
Livraria Nacional
1.ª edição
21,1 cm x 14,5 cm
48 págs. + 1 extra-texto
é o n.º 6 da colecção Pedras Brancas
exemplar estimado; miolo manchado mas aceitável
27,00 eur (IVA e portes incluídos)

Helder Macedo, que irá por fim aportar no chamado «grupo de Londres» (Alberto de Lacerda, João Cutileiro, Menez, Luís Amorim de Sousa, etc.), tivera já por altura do vertente livro experimentado os calabouços da polícia política do Estado Novo na sequência da sua adesão à campanha presidencial de Humberto Delgado. Com passagem pelo convívio surrealista no Café Gelo, que lhe trouxe a amizade de Mário Cesariny, António José Forte e Pedro Oom, a sua ida para Inglaterra dar-nos-á de volta a organização, em 1972, de uma antologia a todos os títulos interessante: Modern Poetry in Translation, 13 / 14 – Portugal.

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089