domingo, agosto 09, 2015

Andanças do Demónio



JORGE DE SENA
capa de Luís Filipe de Abreu

Lisboa, 1960
Estúdios Cor, Lda.
1.ª edição
19,3 cm x 14,6 cm
240 págs.
subtítulo: Histórias Verídicas e Fantásticas e outras ficções realistas, antecedidas por um elucidativo prefácio
colecção dirigida por Nataniel Costa
encadernação editorial gravada a negro e relevo seco na pasta anterior e a branco na lombada
exemplar como novo
da muito rara tiragem de exemplares encadernados de origem
60,00 eur (IVA e portes incluídos)

Nem só obras de «desenredo» (Joaquim Manuel Magalhães, Um Pouco da Morte, Editorial Presença, Lisboa, 1989) terão notabilizado Sena. O ensaio, como se sabe, os prefácios ou os posfácios às suas traduções foram uma componente importante da sua expressão, e principalmente a prosa ficcional – ou obras de enredo – deu-lhe oportunidade de desenhar do natural alguns dos tiques e manias de portugueses.

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089