quinta-feira, setembro 01, 2016

A Mulher na Obra de Gil Vicente



JOAQUIM LEITÃO

Lisboa, 1939
Academia das Ciências de Lisboa
1.ª edição
25,8 cm x 19,5 cm
72 págs.
impresso sobre papel superior avergoado
exemplar estimado; miolo limpo
valorizado pela dedicatória manuscrita do Autor a Caeiro da Mata
22,00 eur (IVA e portes incluídos)

Uma passagem do texto:
«[...] Em Gil Vicente encontrou a mulher o seu defensor. [...]
Três tipos feministas da obra Vicentina – A Sibila Cassandra, no teatro hierático; a Inês Pereira e a Isabel de Quem tem farelos, no teatro popular –, são três gritos de oprimidas que desagravam os seus direitos. [...]»

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089