segunda-feira, setembro 12, 2016

Cidade Nova – Revista de Cultura Portuguesa





Coimbra, Setembro de 1949 a Abril de 1961
dir. Carlos Amado, Afonso Botelho (somente a III série)
1.ª edição [única]
33 números (três dos quais são duplos) repartidos por VI séries + 1 separata (colecção completa)
[23,3 cm x 18,3 cm] + [18,3 cm x 12,3 cm (separata)]
{384 págs. (seis números, numeração contínua) + 394 págs. (seis n.os, num. cont.) + 1 folha em extra-texto} + {382 págs. (seis n.os, num. cont.) + 1 cromo colado [no n.º 2, III série] + 1 encarte [no n.º 6, III série] + 402 págs. (seis n.os, num. cont.)} + {(120 págs. [dois n.os (duplo)]  + 2 folhas em extra-texto) + (242 págs. [quatro n.os, num. cont.] + 2 folhas em extra-texto + 1 folha e 1 encarte em extra-textos + 1 folha em extra-texto) + (128 págs. [dois n.os, num. cont.] + 1 folha e 1 encarte em extra-textos) + 32 págs. + 32 págs. (separata)}
exemplares no geral muito estimados; miolo limpo
acondicionados em três estojos artísticos de fabrico recente com gravação do título em vinil
370,00 eur (IVA e portes incluídos)

Dizendo-se não afecto à Causa Monárquica, trata-se de um órgão literário programático de mais um grupo integralista, que esteve na origem e fundação do Centro Nacional de Cultura, ou como diz Carlos Amado na separata Perspectivas Portuguesas, havia a «[...] necessidade de continuar um pensamento português, de raiz católica e tradicional [...]», pelo que «[...] bastaria ter dado consciência, coesão e toque a uma geração que sem ela [a revista Cidade Nova] se ignoraria e se teria perdido para uma obra colectiva de serviço nacional – a geração dos que receberam o facho acendido na nossa terra pelo Integralismo Lusitano [...]».
São de referir as colaborações, para além do próprio Carlos Amado, dos seguintes autores, entre muitos outros: Henrique Barrilaro Ruas, Afonso Botelho, Hipólito Raposo, Guilherme Braga da Cruz, Fernando Amado, Pequito Rebelo, Rui Medina, Rivera Martins de Carvalho, José de Almada Negreiros, Hein Semke, Costa Pimpão, António Sardinha, Alberto de Monsaraz, Luís Almeida Braga, Nuno Teotónio Pereira, António Quadros, Sophia de Mello Breyner Andresen, Francisco de Sousa Tavares, Azinhal Abelho, Álvaro Ribeiro, Ruy Cinatti, Gonçalo Ribeiro Teles, Jorge de Sena, Dom António Ferreira Gomes, Amândio César, Luís Forjaz Trigueiros, Tomaz Kim, Hernâni Cidade, Escada, José-Augusto França, Helena Cidade Moura, etc.
Os dois últimos fascículos da revista exibem, pela primeira vez, nas respectivas contracapas, publicidade (no caso, à empresa Gazcidla, com desenho de Gabriel Ferrão), o que confirma as crescentes dificuldades financeiras dos seus mentores.

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089