segunda-feira, setembro 05, 2016

Historia Geral dos Adágios Portugueses


LADISLAU BATALHA
estudo preambular de Agostinho Fortes

Paris – Lisboa, 1924
Livrarias Aillaud e Bertrand
1.ª edição
18,8 cm x 12,2 cm
328 págs.
composto manualmente
exemplar manuseado mas aceitável, restauros pontuais na lombada; miolo limpo
muito discreta rubrica de posse no rosto
40,00 eur (IVA e portes já incluídos)

Do texto introdutório de Agostinho Fortes:
«[...] O adágio dum povo é, sem dúvida, o mais rico e instrutivo repositório de toda a evolução desse mesmo povo nas múltiplas modalidades da sua actividade colectiva. No adágio se reunem todos os conhecimentos que a experiência da vida impôs; nele se refletem todas as concepções que o povo criou àcêrca do que mais vivamente o interessa, quer em ensinamentos práticos, quer em preceitos éticos que lhe regulem os actos; nêle reside o tesouro que as gerações, umas às outras, vão transmitindo como pecúlio próprio e caracteristicamente etnográfico. O adágio, na simplicidade da expressão, no sintético do conceito e, muitas vezes, na fina sátira e delicada crítica que encerra, é a, porventura, mais conceituosa criação do ensinamento prático e positivo, adquirido, desenvolvido e aplicado pela multidão. [...]»

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089