segunda-feira, outubro 10, 2016

Para Que a Cidade Tivesse o Seu Jardim... [junto com] Quando a Cidade Apela para o Seu Jardim...




FERNANDO EMYGDIO DA SILVA
desenhos de Raúl Lino

Lisboa, 1945 e 1959
Publicações Culturais da Câmara Municipal de Lisboa
[ed. Autor ?]
1.ª edição (ambos)
a [25,1 cm x 18,6 cm] + b [25,5 cm x 18,8 cm]
38 págs. + 32 págs.
ilustrado [a]
exemplares estimados; miolo limpo
ostenta colado no verso da capa do [a] o ex-libris de Raul Esteves dos Santos
valorizados pela dedicatória manuscrita do Autor no [b] a Luís Quartin Graça
30,00 eur (IVA e portes incluídos)

Fernando Emygdio da Silva (1886-1972), que foi também colunista no Diário de Notícias, administrador e mais tarde vice-governador do Banco de Portugal, procurador da Câmara Corporativa, relator do II Plano de Fomento e director da Faculdade de Direito de Lisboa, surge-nos aqui como promotor da existência do Jardim Zoológico de Lisboa, a cuja presidência o seu nome se encontra ligado. As vertentes brochuras reproduzem conferências pronunciadas pelo autor, exactamente em defesa do dito. Entre a variada bibliografia de história moderna, que nos legou, encontra-se, em 1965, a incontornável História do Jardim Zoológico de Lisboa. (Fonte: José Adelino Maltez, Políticos Portugueses da I República, 1910-1926)

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089