sábado, dezembro 03, 2016

Itinerario da Terra Sancta e Suas Particularidades


PANTALEÃO DE AVEIRO, frei
pref. António Baião

Coimbra, 1927
Imprensa da Universidade
7.ª edição
21,3 cm x 13,4 cm
XX págs. + 560 págs.
exemplar muito estimado; miolo limpo, por abrir
55,00 eur (IVA e portes incluídos)

Frei Pantaleão de Aveiro «[...] Vestiu o habito franciscano, e desejando vêr a Terra Santa, sahiu de Portugal em peregrinação em 1563, e depois de haver chegado até Jerusalem, permaneceu n’esta cidade durante tres anos, findos os quaes regressou á patria. Escreveu o Itinerario da Terra Santa, em que descreve minuciosamente a sua peregrinação. No prologo conta como, estando em Roma, fôra convidado pelo padre Bonifacio de Aragusa, guardião de Monte Sion, para ir com elle ás provincias de Italia em demanda de religiosos que substituissem os que tinham ido fazer o seu triennio á Terra Santa. Os dois religiosos sahiram de Roma, e tendo conseguido reunir uns 60 frades para a missão, dirigiram-se a Trento, onde então se celebrava o concilio. O Itinerario começa em Veneza, descreve todos os pontos em que fez estação, contando minuciosamente o que viu em Jerusalem e em todos os logares onde se desenvolveram os principaes dramas da paixão de Christo. Á volta da Palestina, Fr. Pantaleão e seus companheiros tomaram o porto de Napoles, fazendo depois o resto da viagem por terra, indo mais tarde a Veneza buscar as bagagens e as reliquias que traziam. [...]» (Fonte: Esteves Pereira e Guilherme Rodrigues, Portugal – Diccionario Historico, Chorographico, Heraldico, Biographico, Bibliographico, Numismatico e Artistico, vol. I, João Romano Torres – Editor, Lisboa, 1904)

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089