segunda-feira, março 20, 2017

O Meu Dinheiro – Como Devo Gastá-lo?



Lisboa, 1961
Edição da Junta do Crédito Público
[1.ª edição]
20,8 cm x 13,9 cm
20 págs.
subtítulo: Plano para raparigas
profusamente ilustrado
acabamento com dois pontos em arame
exemplar muito estimado; miolo irrepreensível
17,00 eur (IVA e portes incluídos)

Folheto instrutivo destinado à orientação de jovens empregadas, no sentido de estas saberem como aplicar o produto do seu trabalho... O mesmo é dizer: iluminar-lhes o retorno do dinheiro circulante às mãos de quem o põe a circular, que se resume ao consumo das mercadorias produzidas, às despesas com os equipamentos essenciais disponíveis para os trabalhadores (habitação, assistência à saúde, etc.), e acumulação do que sobra nas mãos das entidades oficiais destinadas a esse fim (bancos, montepios, aforros promovidos pelo Estado, etc.). Neste último particular, o folheto é um instrumento de publicidade explícita aos Certificados de Aforro da Caixa Económica.

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089