domingo, maio 14, 2017

Descripção do Palacio Real na Villa de Cintra, que ali teem os Ses. Reis de Portugal



A. D. DE CASTRO E SOUZA, abade

Lisboa, 1838
Typographia de A. S. Coelho
1.ª edição
19,8 cm x 12,5 cm
2 págs. + 42 págs.
composto manualmente
exemplar estimado; miolo irrepreensível, papel sonoro
encontra-se no estado físico em que foi comercializado na época, mantido sem restauro apesar da fragilidade na dobra
ostenta na última página o selo de entrada na Bibliotheca Conde Sucena
70,00 eur (IVA e portes incluídos)

António Dâmaso de Castro e Sousa foi abade titular de Santa Eulália de Rio de Moinhos (Braga), académico honorário da Academia de Belas-Artes, sócio do Conservatório Real de Lisboa, sócio efectivo da Sociedade Arqueológica Lusitana, etc.; cavaleiro das ordens de Cristo, de Nossa Senhora da Conceição de Vila Viçosa, e da Torre e Espada, mercês do rei D. João VI. Em 1867, Inocêncio Francisco da Silva, no seu Diccionario Bibliographico Portuguez (vol. VIII), dá notícia de que «O Governo, querendo aproveitar o seu zeloso prestimo, o nomeou ultimamente Adjunto ao Provedor da Sancta Casa da Misericordia de Lisboa, logar que ainda desempenha».

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089