domingo, julho 09, 2017

Tempo para Amar e Tempo para Morrer

ERICH-MARIA REMARQUE
trad. de Isabel da Nóbrega
capa de Otelo Azinhais

Lisboa, 1962
Publicações Europa-América
[s.i.]
19,5 cm x 14,3 cm
456 págs.
exemplar bem conservado
17,00 eur (IVA e portes incluídos)

Palavras do editor na badana de suporte do volume:
«[...] Este livro não é um requisitório nem uma defesa, é um depoimento sincero e impressionante, uma pintura chocante e trágica da angústia de um soldado alemão a partir do dia em que ele compreende que a guerra está perdida. O homem que viveu na guerra nos campos de batalha quando, após dois anos de ausência, regressa de licença à sua terra natal, sente-se um estranho. Os bombardeamentos destruíram os velhos bairros. A sua casa é um montão de destroços. Os seus pais desapareceram. Reina o terror e a miséria naquele mundo sinistro e desumanizado como o campo de batalha. É a guerra. E é, também, a sensação de isolamento, a obsessão e a angústia da morte, que o lança nos braços da mulher que, na retaguarda, sofria as consequências do terror e da guerra. Romance da morte e do amor, este novo livro de Erich-Maria Remarque atinge um dos pontos mais altos da sua carreira de escritor. [...]»

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089