quarta-feira, setembro 20, 2017

Os Padresinhos


WENCESLAU DE MORAES
posf. Petrus
gravura de Abel Manta

s.l. [Porto], 1954
s.e. [Petrus (Pedro Veiga)]
1.ª edição (Centenário de Wenceslau de Moraes) [4.ª impressão do texto]
25,3 cm x 16,8 cm
14 págs. + 1 folha em extra-texto
composto manualmente e impresso a roxo sobre papel couché
acabamento com laçada de cordão acetinado numa capa de cartolina gofrada
exemplar muito estimado; miolo limpo
peça de colecção
40,00 eur (IVA e portes incluídos)

Edição autónoma de um texto inicialmente publicado, em 1906, na revista Serões. Pedro Veiga, nesta requintada edição sua, a que juntou uma gravura de Abel Manta com o sereno rosto do escritor, caracteriza-lhe a escrita assim:
«[...] a arte de Wenceslau de Moraes se enlaça com a graça dessa aguarela leve e vaporosa das Viagens de Garrett, tocando no outro extremo as confissões pessoais e os aprofundamentos psicológicos de Raúl Brandão.
O seu exotismo é apenas exterior: indumentária de disfarce em que se oculta uma das almas mais sensíveis da Literatura lusíada. [...]»

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089