quarta-feira, outubro 18, 2017

Estado da Medicina em 1858


MARECHAL DUQUE DE SALDANHA

Lisboa, 1858
Imprensa Nacional
1.ª edição
22,1 cm x 14 cm
4 págs. + 160 págs.
subtítulo: Opusculo Dividido em Cinco Partes dedicado a Sua Magestade El-Rei o Senhor Dom Pedro Quinto e offerecido aos homens de consciencia e superiores que entre nós ensinam ou praticam a nobre e liberal profissão da medicina
exemplar em bom estado de conservação; miolo irrepreensível, papel sonante
VALORIZADO PELA DEDICATÓRIA MANUSCRITA DO MARECHAL AO CONSELHEIRO MARINO MIGUEL FRANZINI (1779-1861)
130,00 eur (IVA e portes incluídos)

Segundo Inocêncio Francisco da Silva (Diccionario Bibliographico Portruguez, tomo III, Imprensa Nacional, Lisboa, 1859):
«João Carlos de Saldanha de Oliveira e Daun, 1.º Duque, 1.º Marquez e 1.º Conde de Saldanha, Mordomo-mór de Sua Magestade, Par do Reino, Conselheiro d’Estado, Ministro d’Estado honorario, Marechal do Exercito, e ex-Commandante em Chefe, Vogal do Supremo Conselho de Justiça militar, Ministro Plenipotenciario honorario; Grão-Cruz das Ordens militares da Torre e Espada, Christo, Conceição e S. João de Jerusalem em Portugal; das de S. Fernando, Carlos III e Isabel a Catholica de Hespanha; da de S. Gregorio de Roma; da Legião de Honra de França, condecorado com a Ordem do Tosão de Ouro, e com varias outras distincções e medalhas de honra nacionaes e estrangeiras; Socio emerito, e ex-Vice-presidente da Academia Real das Sciencias de Lisboa, Membro da Sociedade Geologica de França, da Academia das Sciencias e Bellas-letras de Anvers, da Sociedade Statistica de França, e de muitas outras Associações scientificas e litterarias da Europa, etc. etc. – N. em Lisboa a 17 de Novembro de 1790 [m. 1876], e foi o nono filho do 1.º conde de Rio-maior João de Saldanha Oliveira e Sousa, e de sua mulher a condessa D. Maria Amalia de Carvalho e Daun, terceira filha do 1.º Marquez de Pombal. […]
S. ex.ª querendo disseminar tanto quanto fosse possivel ás idéas e principios conteudos n’esta sua obra, dictada pelo desejo de ser util aos seus compatriotas, distribuiu franca e profusamente a primeira edição que d’ella mandou fazer; como porém esta não fosse sufficiente para saciar a justa curiosidade do publico, teve logar em breve tempo a segunda, que egualmente foi distribuida [...].»

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089