terça-feira, dezembro 12, 2017

Diário Íntimo


LUÍS AMARO

Lisboa, 1975
Iniciativas Editoriais
1.ª edição
18,1 cm x 13 cm
112 págs.
subtítulo: Dádiva e Outros Poemas
composto manualmente na mítica Tipografia Ideal (Lisboa) sob a direcção gráfica do artista tipógrafo José Apolinário Ramos
exemplar muito estimado; miolo limpo
VALORIZADO PELA DEDICATÓRIA MANUSCRITA DO AUTOR À ACTRIZ HERMÍNIA TOJAL
35,00 eur (IVA e portes incluídos)

À falta de nenhuma, este livro, a propósito das suas reedições em 2006 e 2011, teve 3 recensões no Rol de Livros da Fundação Calouste Gulbenkian, 2 de Urbano Tavares Rodrigues e 1 de Rita Taborda Duarte, que são unânimes em sublinhar não se tratar de um livro menor de um Autor que cultivou amigos entre poetas e críticos literários. Durante longos anos, Luís Amaro foi funcionário dessa Fundação, onde desempenhou, obviamente, as funções de co-director da revista Colóquio / Letras...

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089