quarta-feira, abril 25, 2018

Novas Cartas Portuguesas


MARIA ISABEL BARRENO
MARIA TERESA HORTA
MARIA VELHO DA COSTA

Lisboa, Maio de 1974
Editorial Futura
2.ª edição
18,8 cm x 12,7 cm
392 págs.
cartonagem editorial impressa a negro
exemplar muito estimado; miolo limpo
da rara tiragem especial com capa dura
40,00 eur (IVA e portes incluídos)

Nos dias imediatos ao golpe militar do 25 de Abril, na cola da explosão popular contra os poderes dominantes, alguns intelectuais especialmente visados e perseguidos pelo regime anterior deram a conhecer o seu ponto de vista e as suas obras, ou prestando declarações na imprensa ou permitindo a reedição dos seus objectos do ódio policial. E embora já não venham a sofrer idênticas represálias, não deixam de pôr a nu a máscara daqueles que, então, afirmavam “estar a fazer uma revolução para o povo”. Neste sentido, graças ao gigantesco fluxo cultural afecto à desobediência civil, os usos e costumes da multidão anónima, informe e absentista avançaram muito mais rapidamente do que a acção estranguladora dos actores e agentes da nova dominação de classe.

pedidos para:
telemóvel: 919 746 089