segunda-feira, abril 26, 2021

A Morgadinha de Silvares

EDUARDO DE AGUILAR

Porto, 1912
Empresa Gráfica “A Universal”
1.ª edição
224 mm x 157 mm
356 págs. + 1 folha em extra-texto
ilustrado com um retrato do autor
encadernação de amador em meia-inglesa com rótulo gravado a ouro na lombada
pouco aparado, sem capas de brochura
exemplar estimado, lombada restaurada; miolo limpo, gravura manchada
22,00 eur (IVA e portes incluídos)

Pouco nos diz o Dicionário Cronológico de Autores Portugueses (vol. III, Publicações Europa-América, Mem Martins, 1994) acerca do prolífico escritor, que foi Eduardo Aguilar (1875-1942):
«Jornalista, crítico tauromáquico, romancista e autor dramático de estirpe neo-romântica, a sua vasta obra literária compreende várias peças em verso […], dramas […], romances de feição popular […].»

pedidos para:
pcd.frenesi@gmail.com
telemóvel: 919 746 089